A IMPORTÂNCIA DA HIDRATAÇÃO

Por: Iramar Greco | Texto Aprovado pelo Conselho Médico do MediFoco
Atualizado em 19/01/2017

PUBLICIDADE

Manter o corpo bem hidratado é vital e beber água várias vezes ao dia é um hábito bastante saudável.

A água é fundamental para o nosso organismo e representa cerca de 60% do peso de uma pessoa. Respiração, circulação, digestão, desintoxicação e sistema de defesa dependem da água. Ela está presente na estrutura das células, ajuda a lubrificar o cérebro e as articulações, transporta nutrientes e oxigênio, além de regular a temperatura corporal. Músculos, cérebro, sangue, rins, fígado, ossos, entre outros órgãos, têm alta porcentagem de água e dependem de uma boa hidratação para funcionar corretamente. Não sobrevivemos sem beber água por muitos dias.

Normalmente, perdemos mais de dois litros de água diariamente; em dias mais quentes essa perda pode superar os três litros. Como nosso organismo não tem uma reserva, para manter suas funções básicas é preciso cuidar da hidratação; ou seja, equilibrar a entrada e a eliminação de líquidos. E nosso corpo dá o alerta: se precisa de água, sentimos sede; se houver excesso, eliminamos.

- PUBLICIDADE -

Dias com temperatura muito alta ou durante a prática de esportes a atenção deve ser redobrada. Calor em excesso ou exercícios físicos provocam uma maior eliminação de água através da transpiração e da respiração, diminuindo o fluxo sanguíneo e aumentando o ritmo cardíaco. A perda de água corpórea pode provocar tontura, espasmos musculares e problemas renais; portanto beber pequenas quantidades de líquidos, várias vezes, é essencial.

Os médicos, em geral, recomendam a ingestão de dois litros de água por dia; no verão, essa quantidade pode ser maior. Vale lembrar que além do líquido puro, há outras fontes como chás, café, sucos e alimentos como frutas.

Sintomas que alertam quando a quantidade de água no organismo não é suficiente:

  • sede;
  • aumento da temperatura corporal;
  • lábios ressecados;
  • urina com coloração mais escura;
  • cansaço.

Beber muita água, faz mal?

Mas, se água de menos não é bom, demais também não faz bem. Líquido em excesso  prejudica o trabalho do hormônio antidiurético e estimula a produção de urina, além de diminuir o índice de sódio no sangue e provocar confusão mental e até convulsão.

Quantos dias uma pessoa sobrevive sem beber água?

O tempo de sobrevivência sem ingerir água varia entre as pessoas, mas em média é de três a cinco dias. Após este período o indivíduo morre por desidratação.

PUBLICIDADES


Deixe um Comentário

Antes de enviar seu Comentário, faça o cálculo abaixo: * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Medifoco - O Nosso Foco é a sua Saúde