ANEURISMA CEREBRAL | Causas – Sintomas – Sequelas

Por: Marina Zanetti | Texto Aprovado pelo Conselho Médico do MediFoco
Atualizado em 27/05/2014

PUBLICIDADE
Aneurisma

 

O que é um aneurisma cerebral?

Quando ouve-se falar em aneurisma cerebral, tecnicamente é que houve uma hemorragia subaracnóidea devido a rotura espontânea de um aneurisma sacular congênito, ou seja, uma alteração que acompanha o paciente desde seu nascimento e irá se manifestar em uma faixa etária que compreende dos 35 aos 55 anos de idade.

Aneurisma é uma dilatação em forma de saco que ocorre em um vaso cerebral devido a uma falha muscular que provoca o enfraquecimento da parede deste vaso, tornando então a parede que recobre o aneurisma fina e fraca também, havendo portanto uma maior predisposição a romper-se;

Aneurisma Cerebral

Aneurisma Cerebral

No interior do aneurisma contém sangue, e na maioria das vezes ocorre em uma artéria, cuja pressão sanguínea é maior, aliado a isto há ainda o fato de já haver um enfraquecimento da parede do vaso, como já dito antes. Essa soma de fatores quando leva o rompimento do aneurisma, acaba gerando uma hemorragia cerebral, ou melhor, uma hemorragia subaracnóidea (aracnóide é um dos folhetos que recobrem o cérebro, e a hemorragia ocorre abaixo dela, daí seu nome).

O rompimento do aneurisma pode ocorrer também devido a uma malformação dos vasos cerebrais (conhecida como malformação vascular arteriovenosa), quando o rompimento ocorre por este motivo, geralmente  manifesta-se mais precocemente: dos 15 aos 30 anos de idade.

- PUBLICIDADE -

O tamanho de um aneurisma é variável, podendo ser desde poucos milímetros, até vários centímetros, estes últimos são conhecidos como aneurismas gigantes.

Quais são os sintomas de um aneurisma cerebral?

Os principais sintomas relacionados ao rompimento de um aneurisma cerebral e a hemorragia provocada por ele, são:

– Cefaléia (dor de cabeça) em toda a cabeça, que apresenta início súbito e tem forte intensidade;
– Perda da consciência;
– Náuseas e/ ou Vômitos;
– Rigidez de nuca.

Complicações:

A ruptura do aneurisma pode trazer algumas complicações, como um possível ressangramento (rerruptura de aneurisma) ou uma isquemia cerebral e infarto cerebral.

Geralmente esta é uma emergência clínica, na qual o paciente procura um Pronto Atendimento, devido a intensidade da dor e na maioria das vezes o paciente é tratado em unidade de tratamento intensivo (UTI).

Diagnóstico e Prognóstico:

O diagnóstico pode ser confirmado através de um exame denominado  Tomografia Computadorizada que é solicitada e analisada por um neurocirurgião que irá avaliar a real necessidade de uma cirurgia,  e o tempo que poderá levar até a realização desta.

O acompanhamento pós operatório deve ser feito por um neurologista e o prognóstico do paciente, ou seja, se  irá ficar ou  não alguma seqüela neurológica ou algum déficit neurológico dependerá da quantidade de sangue que é visualizada na tomografia computadorizada.

Importante:

É importante sempre lembrar que história familiar positiva para aneurisma cerebral, hipertensão arterial sistêmica (pressão alta) e tabagismo,  aumentam muito os riscos de haver tal patologia, portanto no acompanhamento deve haver a interrupção imediata do tabagismo, caso este seja existente e um  controle adequado da hipertensão, através de medicamentos anti-hipertensivos, uma dieta mais balanceada  e  pobre em enlatados e sal e ainda a introdução de exercício físico ao paciente.



PUBLICIDADES


Deixe um Comentário

Antes de enviar seu Comentário, faça o cálculo abaixo: * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Powered by WordPress | Designed by: Best SUV | Thanks to Toyota SUV, Ford SUV and Best Truck