ATELECTASIA

Por: Gilberto Frota | Texto Aprovado pelo Conselho Médico do MediFoco
Atualizado em 13/08/2012

PUBLICIDADE
Atelectasia

 

O que é?

Colapso de uma área do pulmão por falta de entrada de ar, mas o pulmão é normal sob outros aspectos. O fluxo sanguíneo pulmonar na área de atelectasia costuma estar reduzido.

CAUSAS:

Obstrução das vias respiratórias à Por muco, neoplasia, corpo estranho, edema, ou compressão extrínseca das vias aeres respiratórias ( aneurisma da aorta, neoplasia, adenopatia). Aspiração de vômito em pacientes comatosos.

FATORES DE RISCO:

Tabagismo;
Obesidade;
– Anestesia Geral;
– Alteração da parede torácica;
Escoliose;
– Paralisia do nervo frênico.

SINAIS E SINTOMAS:

–  PEQUENA ATELECTASIA:

– Em geral assintomática

–  GRANDE ATELECTASIA ( lobar ou de todo um pulmão):

– Taquipnéia ( respiração rápida);
– Tosse seca;
– Manifestações hipoxêmicas ( colapso maciço );
– Hipotensão arterial;
– Expansiblidade torácica diminiuida;
– Retração dos espaços intercostais (tiragem);
– Frêmito toracovocal diminuído ou abolido;
– Macicez à percussão;
– Respiração broncovesicular se as vias respiratórias estiverem permeáveis;
– Ressonância vocal diminuída;
– Ausência de ruído respiratório se as vias aéreas estiverem obstruídas;
– Deslocamento do ictus cordis para o lado da atelectasia.

DIAGNOSTICO DIFERENCIAL:

– Pneumonia;
– Derrame Pleural.

- PUBLICIDADE -

EXAMES COMPLEMENTARES:

– Raio-X do tórax: opacificações lineares, arredondas ou cuneiformes; atelectasia do lobo médio e da língula obscurecem a borda cardíaca; atelectasia do lobo inferior obscurece o diafragma; estruturas mediastinais deslocadas para o lado da atelectasia; pulmão não acometido pode demonstrar hiperinsuflação compensatória;
– Tomografia computadorizada: permite avaliar vias respiratórias e estruturas madiastinais;
– Broncoscopia: demonstra a causa da obstrução de vias respiratórias.

COMPROVAÇÃO DIAGNÓSTICA:

– Dados clínicos +  Raio X ou Tomografia Computadorizada do tórax;
– Broncoscopia quando se suspeita de obstrução das vias respiratórias.

COMPLICAÇÔES:

– Infecção secundária;
– Insuficiência respiratória.

COMO CUIDAR DO PACIENTE:

– Depende da causa da atelectasia ( retirada broncoscópica de corpo estranho);
– Desobstrução da via respiratória (tapotagem, drenagem postural ou broncoscópica);
– Oxigenação e umidificação adequadas;
– Exercícios respiratórios.

PREVENÇÃO:

– Medidas para evitar obstrução brônquica;
– Suprimir tabagismo com antecedência antes de cirurgia com anestesia geral.

EVOLUÇÃO E PROGNÓSTICO:

Resolução com tratamento adequado.



PUBLICIDADES


Deixe um Comentário

Antes de enviar seu Comentário, faça o cálculo abaixo: * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Powered by WordPress | Designed by: Best SUV | Thanks to Toyota SUV, Ford SUV and Best Truck