CAXUMBA – PAROTIDITE EPIDÊMICA | Sintomas, Diagnóstico, Cuidados

Por: Dr. Leandro Moreira | Texto Aprovado pelo Conselho Médico do MediFoco
Atualizado em 02/04/2012

PUBLICIDADE
Parótida inchada

 

SOBRE A DOENÇA:

Caxumba ou Parotidite epidêmica/infecciosa é uma infecção viral, que causa febre, dor e edema (inchaço) das glândulas parótidas entre outras glândulas salivares.

CAUSAS:

O vírus da caxumba é da família do paramixovírus, normalmente é propagado por contato com a saliva de uma pessoa infectada sendo altamente contagioso, espalhando facilmente entre as pessoas com contato próximo. O vírus se instala na glândula salivar parótida causando a infecção, com isso a glândula irá aumentar de tamanho (edema) causando assim a dor.

FATORES DE RISCO:

Fatores que aumentam a chance de ter a doença

– Não ter sido vacinado
– Crianças e adultos jovens
– Estar em contanto com pessoas com caxumba
– Nunca ter contraído caxumba
– Estações mais frias como o inverno
– Estar com o sistema imunológico debilitado

SINTOMAS:

Assintomática em 30% dos casos (1/3 dos casos não apresentam sintomas)

– Febre (aumento da temperatura corporal)
– Edema (inchaço das glândulas parótidas, abaixo das bochechas e da mandíbula onde localizam as outras glândulas salivares)
– Náusea (vontade de vomitar) e vômitos
– Odinofagia (dor de garganta)
– Cefaléia (dor de cabeça)
Torcicolo (dor na região do pescoço)

Outros órgãos também podem ser afetados:

– Edema (inchaço), desconforto e/ou dor embaixo da língua, e da mandíbula (osso onde localiza o queixo)
– Mulheres: ooforite(inflamação do ovário), que resultam em dor ou desconforto no abdome( região da barriga)
– Homens: orquite (inflamação do testículo), fica edemaciado, doloroso

- PUBLICIDADE -

DIAGNÓSTICO:

Dados clínicos + Testes sorológicos (geralmente não é necessário)

COMPLICAÇÕES:

Na maioria dos pacientes previamente saudáveis as complicações são raras, mas podem evoluir com:

– Orquite (inflamação do testículo causando infertilidade)
– Ooforite (inflamação do ovário)
Meningite (inflamação das membranas que envolvem o sistema nervoso central)
– Mastite (inflamação da mama)
– Pancreatite (inflamação do pâncreas)

COMO CUIDAR DO PACIENTE:

– Não há tratamento específico
– Repouso e aumentar a ingestão hídrica (líquido em geral, como suco, chá e água)
– Usar medicamentos sintomáticos, exemplo pra dor e febre
– Aplique compressa fria ou quente nas áreas edemaciadas (inchadas)

PREVENÇÃO:

A vacina é a melhor forma de prevenir a parotidite epidêmica (caxumba). É aplicada geralmente com a vacina do sarampo, rubéola e caxumba, conhecida como tríplice viral.

Se você não for vacinado, evite contato com uma pessoa com caxumba, principalmente nos 09 (nove) primeiros dias de doença.



PUBLICIDADES


One Response para o texto: “CAXUMBA – PAROTIDITE EPIDÊMICA | Sintomas, Diagnóstico, Cuidados”

  1. antonio disse:

    muito bom, texto bem objetivo!!!

Deixe um Comentário

Antes de enviar seu Comentário, faça o cálculo abaixo: * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Powered by WordPress | Designed by: Best SUV | Thanks to Toyota SUV, Ford SUV and Best Truck