COLANGITE | Infecção das Vias Biliares

Por: Ricardo Alves de Andrade | Texto Aprovado pelo Conselho Médico do MediFoco
Atualizado em 25/07/2012

PUBLICIDADE
Colangite

 

Condição de infecção bacteriana dos ductos biliares, que são canais que conduzem a bile até sua liberação no intestino delgado (duodeno) para participar do processo de “quebra” das gorduras ingeridas na alimentação. Essa situação é favorecida por algumas situações como cálculos que previamente localizavam-se dentro da vesícula e migraram para os ductos causando obstrução mecânica dos mesmos, tumores que cresceram dentro do ducto ou em qualquer outra localização capaz de causar obstrução da luz dos ductos, estreitamentos (estenoses) pós-cirúrgicas em que houve manipulação das vias biliares, presença de parasita Ascaris lumbricóides (lombriga), que migrou do tubo digestivo para dentro dos ductos causando sua obstrução, entre outras causas menos comuns.

Todas as situações que causam a colangite tem o fato de obstruirem as vias biliares e propiciarem a migração e o ambiente ideal para que bactérias normalmente situadas no intestino causem infecção desses ductos obstruídos.

É uma doença rara em crianças, sendo mais comum em adulto-idoso entre 50 e 70 anos, que possuem uma das condições já sitadas como deflagradoras do processo, tendo destaque de maior importância a presença de cálculos na vesícula como maior causador da situação.

- PUBLICIDADE -

 

Sinais e Sintomas:

O quadro do paciente com inflamação/infecção dos ductos biliares é de dor localizada em quadrante superior direito do abdome, febre alta >38.8 graus Celsius com calafrios, presença de pele e olhos amarelados (icterícia), causada por bilirrubina presente na bile que foi reabsorvida para o sangue, sendo que em casos mais graves pode haver infecção generalizada com queda do valor de pressão arterial e queda do nível de consciência do paciente. A principal dificuldade para os profissionais é diferenciar esse quadro com de uma colecistite aguda, que é a inflamação não necessariamente com presença de bactérias da vesícula biliar com acúmulo de cálculos em seu interior, lembrando que essas condições estão diretamente ligadas, considerando-se que a colangite é uma possível complicação evolutiva da colelitíase.

Tratamento:

O paciente acometido não demorará à procurar atendimento médico por demanda da dor intensa e quadro de febre, sendo o tratameto desta doença causa de internação hospitalar, exigindo administração de antibióticos adequados para o caso e medidas de controle de complicações possíveis, pode ser necessária a intervenção cirúrgica do processo e internação em Unidade de Terapia Intensiva configurando uma doença de gravidade moderada-alta.



PUBLICIDADES


Deixe um Comentário

Antes de enviar seu Comentário, faça o cálculo abaixo: * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Powered by WordPress | Designed by: Best SUV | Thanks to Toyota SUV, Ford SUV and Best Truck