HERPES ZOSTER | Cobreiro

Por: Dra. Natália dos Santos Rocha | Texto Aprovado pelo Conselho Médico do MediFoco
Atualizado em 23/01/2013

PUBLICIDADE
Herpes Zoster

 

É uma afecção causada pelo mesmo vírus da catapora, o vírus da varicela-zoster. Quando a pessoa se contamina com esse vírus, seja quando criança ou quando adulto, ele permanece latente, isto é, “dormindo” nos gânglios das raízes dorsais. Quando por algum motivo ocorre a sua recrudescência ele se manifesta em um dermátomo (ao longo de um nervo) principalmente torácico (53% dos casos), cervical (20%), trigêmeo (15%) e lombossacra (11%), sob forma de erupção vesicular em um lado do corpo de forma dolorosa.

Os fatores de risco para que isso ocorra são:

– Pacientes que por algum motivo, como portadores de câncer, de Aids, idosos ou outra causa de imunodeficiência, tem comprometimento da imunidade celular;
Diabetes;
– Irradiação da medula óssea.

Os sinais e sintomas são separados de acordo com a fase da doença. São 3 fases:

- PUBLICIDADE -

– Fase prodrômica: formigamento, coceira e dor. Ocorre antes das lesões da pele.
– Fase aguda: febre baixa, mal estar geral, dor de cabeça, caroços avermelhados que evoluem rapidamente para bolhas pequenas ao longo de um dermátomo (seguem um caminho ao longo de um nervo) que podem conter pus ou sangue que por sua vez evoluem para formação de crosta. Evoluem para cura em 2 a 4 semanas
– Fase crônica: neuralgia pós herpética, isto é, dor que persiste pelo menos 1 mês após o desaparecimento da lesão.

Complicações:

Ele pode ter complicações como infecção secundária, meningoencefalite, hepatite, pneumonite, fraqueza motora periférica, ulceração da córnea, síndrome de Guillain-Barré, mielite segmentar, disseminação cutânea e síndromes de pares cranianos.

Diagnóstico:

O diagnóstico é feito com dados clínicos. Raramente são necessários outros exames, porém pode ser solicitado teste de imunofluorescência direta, teste de DNA viral e citologia do esfregaço do material raspado da lesão.

Tratamento:

O tratamento é feito de forma simples. Medicação para alívio da dor, anti-histamínicos para a coceira, antibiótico se houver infecção secundaria e o uso de antivirais.

Não existem medidas eficazes para prevenção do Herpes Zoster.



PUBLICIDADES


Deixe um Comentário

Antes de enviar seu Comentário, faça o cálculo abaixo: * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Powered by WordPress | Designed by: Best SUV | Thanks to Toyota SUV, Ford SUV and Best Truck