MENSTRUAÇÃO ATRASADA E SUAS CAUSAS

Por: Dr. Eduardo Machado de Carvalho | Texto Aprovado pelo Conselho Médico do MediFoco
Atualizado em 02/04/2014

PUBLICIDADE
Atraso Menstrual

 

Com a modernidade algumas mulheres mudaram muitos hábitos da vida cotidiana e passaram a sofrer de males emocionais ou físicos por causa do estresse devido ao excesso de tarefas diárias, que levam a mulher a ter ansiedade, depressão ou até mesmo problemas hormonais. Junto com essas mudanças podem surgir outros problemas que geram alterações também no ciclo menstrual.

Um ciclo menstrual normal tem um intervalo em média de 25 a 35 dias para a maioria das mulheres e atrasos podem acontecer sendo considerado normal de três a cinco dias. As mulheres precisam ficar atentas porque se ocorrerem atrasos maiores, elas precisarão consultar um médico para investigar as possíveis causas que podem ser desde gravidez até outras doenças que podem estar relacionadas com o atraso menstrual.

Para as mulheres com vida sexual ativa a primeira suspeita deve ser sempre a gravidez e como uma medida emergencial a mulher Gravidezpoderá recorrer aos exames de farmácia para que não use algum medicamento que possa prejudicar o bebê futuramente. Alguns exames atualmente disponíveis nas farmácias são eficazes e podem detectar gravidez com um atraso de dois ou três dias apenas, são geralmente os testes com um preço um pouco mais elevado devido à sua qualidade. Se ainda houver alguma dúvida quanto ao resultado, a mulher poderá fazer um teste de sangue no laboratório chamado BHCG para obter um resultado ainda mais preciso. Se uma gravidez for totalmente excluída das opções, a mulher deverá imediatamente consultar um ginecologista que fará uma avaliação minuciosa para investigar as possíveis causas do atraso menstrual.

- PUBLICIDADE -

Entre algumas causas que podem fazer com que a mulher tenha atraso na menstruação ou ausência dela podemos citar: síndrome do ovário policístico (SOP), resistência insulínica, obesidade, anorexia nervosa, alterações nos hormônios tiroidianos, alteração do hormônio prolactina, síndrome de cushing, excesso de exercícios físicos, uso de hormônio masculino e síndrome plurimetabólica. Esta última, a síndrome plurimetabólica, é uma alteração global dos hormônios ao mesmo tempo levando a paciente a ter outras doenças tais como: ataque cardíaco, derrames cerebrais, diabetes, hipertensão arterial entre outras e geralmente pode ocorrer a partir da resistência insulínica. Se houver atrasos por mais de três ciclos consecutivos sem a presença de gravidez já pode ser considerado amenorreia e deverá ser investigada da mesma maneira.

As mulheres que querem estar em dia com a balança e com a saúde perfeita devem buscar um estilo de vida saudável, evitar consumo de cigarros, álcool, cafeína, drogas, doces em excesso e fazer exercícios regulares para manter um corpo saudável, livre de enfermidades que possam prejudicar o ciclo menstrual e a fertilidade. Hábitos alimentares corretos devem ser adotados para que a alimentação diária contenham vitaminas, proteínas, sais minerais, fibras e água suficiente para manter as funções digestivas funcionando perfeitamente e evitar todas as doenças citadas acima. Bons hábitos alimentares reduzem a chance de obesidade que leva a mulher a ter resistência insulínica e por consequência a síndrome dos ovários policísticos que é uma das principais causas de irregularidades menstruais.

Outra dica muito importante dos especialistas é que as mulheres anotem a data de cada ciclo menstrual no calendário ou agenda e façam o registro de possíveis irregularidades que possam surgir para que, se houver um atraso menstrual posteriormente, o ginecologista consultado possa se orientar por essas anotações para iniciar uma investigação mais detalhada sobre o motivo desse atraso menstrual. O cuidado com a saúde é algo essencial para uma vida saudável e feliz. Mulheres que vão ao ginecologista regularmente e trazem seus exames ginecológicos em dia, evitam uma série de problemas e muitas consequências de um diagnóstico tardio de uma enfermidade. A prevenção é sempre o melhor remédio e evitar ao máximo a ingestão de medicamentos por conta própria sem a indicação de um médico.



PUBLICIDADES


Deixe um Comentário

Antes de enviar seu Comentário, faça o cálculo abaixo: * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Powered by WordPress | Designed by: Best SUV | Thanks to Toyota SUV, Ford SUV and Best Truck