PESADELOS NA INFÂNCIA | Quando procurar um médico?

Por: Tiago Zenero | Texto Aprovado pelo Conselho Médico do MediFoco
Atualizado em 31/03/2015

PUBLICIDADE
Pesadelos infância

 

À noite, é comum as crianças acordarem assustadas, com pesadelos ou medo. O sono nem sempre é interrompido por um distúrbio e o comportamento noturno pode ser controlado em casa pelos próprios pais. Porém, em alguns casos, tais períodos de temores devem ser analisados e diagnosticados por um médico. Conheça alguns episódios que podem afetar o comportamento noturno das crianças.

Terrores noturnos, despertares confusionais e pesadelos

Terrores noturnos são episódios que acordam as crianças durante a noite com um susto. Eles podem se manifestarem por um grito ou pulo repentino, como se estivessem fugindo de algo assustador. Além disso, o coração e respiração podem estar acelerados e a criança deve apresentar sudorese excessiva. O terror noturno dura de 10 a 20 minutos e a criança pode apresentá-lo de duas a três vezes por semana.

Os despertares confusionais são outro tipo de episódios que também acontecem durante o sono da criança. Nesses casos, contudo, ela está em um estágio do sono entre dormir e acordar. Por isso, a criança fica muito confusa e o medo acaba gerando um estado de excitação. Os despertares confusionais duram de 10 a 30 minutos e os pais têm muita dificuldade para acalmar as crianças nesses episódios.

Já os pesadelos consistem em sonhos assustadores que despertam as crianças com um susto. Geralmente, elas têm dificuldade para voltar a dormir depois de acordarem de um pesadelo.

As três condições são independentes e não têm nenhuma relação genética ou familiar. Assim, qualquer criança pode apresentar nenhum, um ou mais de um dos episódios durante o sono.

Ajuda e tratamento

Os terrores noturnos, despertares confusionais e pesadelos são normais e, desde que não aconteçam com uma frequência muita alta, não precisam de tratamento ou ajuda médica. Contudo, quando o comportamento noturno da criança prejudica sua saúde, pode ser que haja algum outro problema envolvido. Nesses casos, o médico deve ser procurado para realizar exames e diagnosticar o problema.

- PUBLICIDADE -

Alguns sintomas que podem fazer com que os terrores noturnos e os despertares confusionais estejam envolvidos com outros problemas são: ronco alto ou ofegante durante o sono; urina noturna na cama; apreensões, que são ondas de atividade anormal no cérebro que podem fazer com que as pessoas desmaiem, movam-se ou se comportem estranhamente.

Geralmente, contudo, o tratamento para tais comportamentos noturnos podem ser realizados em casa com o auxílio dos próprios pais. Durante o terror noturno ou o despertar confusional, a presença dos pais ou de um adulto próximo à criança é importante para que o episódio passe e ela volte a dormir. Já no caso dos pesadelos, os pais ou responsáveis devem salientar que o sonho não é real e ajudá-lo a imaginar um final feliz e menos assustador para tal sonho.

Prevenção

É difícil evitar completamente alguns comportamentos noturnos. Mesmo assim, há algumas medidas que podem ser tomadas. Geralmente, as crianças estão mais propícias a apresentarem terrores noturnos ou despertares confusionais quando não têm dormido suficiente nas noites anteriores ou quando estão em estado febril.

Assim, manter um estado regular do sono é extremamente importante para as crianças. Aquelas com menos de 6 anos de idade devem receber 10 a 12 horas de sono por noite, já as mais velhas deve obter de 8 a 10 horas de sono por noite.

Caso a criança tenha dificuldade para dormir, algumas medidas que podem ser tomadas para auxiliá-las incluem: fazer uma rotina para que a criança durma sempre na mesma hora; fazer um momento de silêncio e descanso antes de dormir, evitando atividades de alta energia; manter o quarto da criança silencioso e escuro; não deixar nenhum aparelho de televisão ligado no quarto da criança.



PUBLICIDADES


Deixe um Comentário

Antes de enviar seu Comentário, faça o cálculo abaixo: * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Powered by WordPress | Designed by: Best SUV | Thanks to Toyota SUV, Ford SUV and Best Truck