TRIPOFOBIA – O distúrbio que causa medo de buracos

Por: Tiago Zenero | Texto Aprovado pelo Conselho Médico do MediFoco
Atualizado em 23/10/2014

PUBLICIDADE
Tripofobia

 

Você tem medo de buracos? Não? Pois tem gente que sim, e a ciência chama isso de tripofobia. Apesar de o nome vir do grego e realmente significar medo de buracos, a fobia pode ser generalizada como um medo de padrões geométricos, aqueles criados pela natureza.

Tal fobia ainda não foi muito estudada e não se encontra nem no Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais, porém, muitas pessoas afirmam sofrer da tripofobia e a comunidade de psicólogos desenvolve cada vez mais estudos na área.

O que é a tripofobia e quais são os sintomas

Tal fobia não é necessariamente medo de buracos, mas, para exemplificar, basta olhar para uma série de fotografias de superfícies com formas geométricas repetitivas, as quais podem remeter à ideia do buraco. Um punhado de canudos visto por baixo, um pedaço de chocolate aerado, uma colmeia de abelhas, corais, crustáceos, bolinhas desenhadas sobre a pele, e assim por diante.

Muitos sentem algum tipo de aversão ao ver tais fotos, podendo sentir mal estar, formigamentos nos pés e nas mãos, tremedeiras, coceiras, náuseas, salivação intensa, suor repentino e aumento do ritmo cardíaco. Em casos extremos, os pacientes podem até mesmo desencadear uma crise de pânico.

Como surgiu o distúrbio

- PUBLICIDADE -

Ao pesquisar a tripofobia, cientistas descobriram que o medo do paciente não é exatamente de buracos, mas sim de uma possível associação mental de perigo a que os buracos remetem.

A origem do distúrbio foi descoberta em um estudo, quando um homem relatou que a imagem de um polvo com anéis azuis na pele desencadeava o sentimento de medo nele. O polvo era extremamente venenoso e, portanto, seu medo aos buracos estava ligado ao perigo representado pelo polvo.

Em geral, as pessoas são capazes de reconhecer situações em que não há qualquer perigo, mas para aqueles que sofrem com a fobia, trata-se de um reflexo inconsciente que resulta em reações que não podem ser controladas. Os buracos, ou qualquer imagem de forma geométrica que remeta a eles, estimulam uma porção primitiva do cérebro que associa a imagem a algo perigoso.

Assim, o que desencadeia o medo em cada paciente pode ser algo subjetivo e específico. Por isso, é difícil encontrar imagens com um denominador comum para todos os que sofrem com a tripofobia.

Há ainda uma teoria que explique o distúrbio como sendo uma herança deixada por nossos ancestrais. Geralmente, todas as imagens que levam ao desencadeamento de uma crise estão relacionadas a animais venenosos, perfurações cutâneas, cicatrizes e bolhas causadas por doenças e ferimentos. Antigamente, essas eram a causa da morte de muitas pessoas, adicionado ao contato frequente com vermes e outros organismos que penetram no corpo e causam inflamações, acabamos herdando essa fobia.



PUBLICIDADES


One Response para o texto: “TRIPOFOBIA – O distúrbio que causa medo de buracos”

  1. Luciana disse:

    Estou precisando de ajuda eu e minha filha temos isso mas não é tao ameno assim. Vimos sem querer imagens de uma mao cheias de furos e isso nos deixou com depressão. Ao ponto de eu pensar em suicidio e ela em cortar as mãos. Nao e a primeira vez que isso acontece, em outras situaçoes ficamos semanas sem comer e dormir direito. Só chorávamos. Me ajude , a quem devemos procurar. O sofrimento é muito grande. Obrigada

Deixe um Comentário

Antes de enviar seu Comentário, faça o cálculo abaixo: * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Powered by WordPress | Designed by: Best SUV | Thanks to Toyota SUV, Ford SUV and Best Truck